Quarteto preso em menos de 12h na cidade de Feira

Foto: Divulgação SSP
Quatro criminosos foram presos e um menor apreendido em menos de 12 horas durante ações distintas realizadas por equipes da 66ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) Feira de Santana. Sete celulares, armas de fogo e drogas foram apreendidos e dois veículos recuperados no período.

Um alerta enviado pelo Centro Integrado de Comunicações (Cicom) da Secretaria da Segurança Pública (SSP), na terça-feira (7), indicou que dois criminosos tinham acabado de roubar duas motocicletas modelos Titan e Bros, placas PKD 9072 e OUZ 3867, respectivamente, em uma localidade no bairro do Papagaio.

“Em poucos minutos após o chamado, conseguimos localizar a dupla com sete celulares e os dois veículos roubados. Um deles ainda estava com um revólver calibre 38”, informou o comandante da 66ª CIPM, major Fernando Cardoso. Lembrou ainda que a dupla e os materiais foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Feira de Santana.

Por volta das 11 horas desta quarta-feira (8), uma operação visando a redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), prendeu dois suspeitos de homicídio e apreendeu um adolescente, após denúncias anônimas informando sobre tráfico de drogas, no bairro George Américo.

Com o apoio da Base Comunitária de Segurança (BCS) instalada naquele bairro e do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto) da unidade, os suspeitos foram identificados através das características apontadas na denúncia.

Após abordagem, foram encontrados com os criminosos e com o menor infrator um revólver calibre 38 e 37 pedras de crack. O trio também foi encaminhado para a Central de Flagrantes, no bairro Sobradinho.

“A prisão da dupla nos auxiliará na investigação de dois homicídios distintos que aconteceram no domingo (5), no mesmo bairro em que ocorreram as prisões. Estamos trabalhando para saber se há ou não a participação deles no crime”, contou o titular da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) de Feira, delegado Rodolfo Faro.

Fonte: Ascom / Rafael Rodrigues

Nenhum comentário: