Governo descumpre prazo para envio de novas fases da reforma tributária

 Falta de consenso, além de Renda Brasil e auxílio emergencial, atrasa discussões; Bolsonaro tira urgência de matéria

Foto: Marcos Corrêia/Presidência da República
Com discussões atrasadas pela falta de consenso entre o governo federal, o Congresso, estados e municípios, o Palácio do Planalto descumpre prazo prometido para enviar as novas fases da reforma tributária.
Em meio ao cenário, e envolvido recentemente com temas como o auxílio emergencial, além de o Executivo deixar de entregar novas fases da proposta no prazo sinalizado, o presidente Jair Bolsonro pediu a retirada da urgência do projeto já enviado.

A decisão também ocorre na esteira de uma articulação do Planalto para que a reforma administrativa, enviada na quinta-feira (3), seja apreciada antes da reforma tributária.

A equipe do presidente reconhece que não conseguirá aprovar as duas medidas neste ano e que a reforma administrativa, apesar da pressão contrária de servidores públicos, apresenta menos resistência entre deputados e senadores. As informações são da Folha de S.Paulo.

Nenhum comentário: