Lava Jato: PF cumpre mandados que investigam suspeitas de corrupção na Transpetro

Foto: Divulgação/PF
A Polícia Federal cumpre nesta quarta-feira (19) seis mandados de busca e apreensão e dois de prisão relativos à 72ª fase da Operação Lava Jato, no âmbito da investigação que apura suspeitas de corrupção e lavagem de dinheiro em compra e venda de navios celebrados pela Transpetro.

Denominada de “Navegar é preciso”, a operação é realizada Maceió (AL), São Paulo (SP), Niterói (RJ) e Rio de Janeiro (RJ) após mandados judiciais expedidos pela 13ª Vara Federal em Curitiba (PR).

De acordo com comunicado divulgado pela PF, a investigação do Ministério Público Federal apura crimes que teriam sido praticados no contexto de licitação e celebração de contratos celebrados pela Transpetro com um estaleiro para a construção e fornecimento de navios.

“Foram revelados indícios de que teria havido pagamento de vantagem indevida por parte dos investigados relacionados ao estaleiro para ocupante de alto cargo na Transpetro à época, em troca do favorecimento e direcionamento do estaleiro em licitação para celebração do contrato milionário, para a construção e fornecimento de navios”, diz o texto.

O nome do funcionário suspeito da Transpetro, do estaleiro e o valor da propina não foram divulgados pela PF. O valor global do contrato com o estaleiro, segundo a PF, foi de mais de R$ 857 milhões.

(Com informações do portal UOL)

Nenhum comentário: