Guedes afirma que ‘200 milhões de trouxas’ são explorados por bancos brasileiros

O ministro da economia defendia as reformas estruturantes no país, afirmando que elas vão ajudar a criar uma classe média empreendedora
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O ministro da Economia, Paulo Guedes, criticou a concentração do sistema bancário do Brasil durante uma videoconferência promovida pelo Itaú BBA, no último sábado (9).

Para o ministro, as reformas e ampliação de investimentos deixa a economia mais competitiva, fazendo dos cidadãos “trouxas”.

“Em vez de termos 200 milhões de trouxas sendo explorados por seis bancos, seis empreiteiras, seis empresas de cabotagem, seis distribuidoras de combustíveis; em vez de sermos isso, vai ser o contrário. Teremos centenas, milhares de empresa”, afirmou.

Em sua crítica, Guedes frisou que não significa que os bancos tenham feito algo de errado, mas sim que a economia brasileira é hostil.

Segundo o ministro, as reformas estruturantes no país vão ajudar a criar uma classe média empreendedora e estimular investimentos. Por: Bahia,ba

Nenhum comentário: