Praça João Carlos Hohlenwwerger, 06 Tel-(73) 35313567-Ipiaú-BA

Antecipação do 13º do INSS e vacina são prioridades para aposentados

Foto: Pedro Ladeira/Folhapress/
                                  Com pandemia, celebração do dia da categoria dá lugar a reivindicações

Celebrado neste domingo (24), o Dia Nacional do Aposentado passou a ser uma data de menos celebrações e mais reivindicações, entre elas, o calendário de vacinação a idosos e a antecipação do 13º salário à categoria. A avaliação é do Sindnapi (Sindicato Nacional dos Aposentados).

“O ano de 2020 foi o pior ano para o nosso país. A nossa foi a única classe que o governo não ajudou”, diz João Inocentini, presidente da entidade. “Tiveram auxílio os empresários, os trabalhadores, os desempregados. Só os aposentados que não tiveram ajuda.”

Inocentini diz que, apesar de o 13º salário dos aposentados e pensionistas ter sido antecipado em 2020 —medida que o governo estuda repetir em 2021—, a categoria foi deixada de lado.

Pleitos como a criação de um 14º salário emergencial aos beneficiários do INSS não foram atendidos. Agora, a classe anunciou que deve unir forças para pedir maior definição no calendário de vacinação contra a Covid-19 a idosos.

“Estamos na luta pressionando o governo na vacina, para resolver o problema dos aposentados. Vamos juntos fazer essa luta e exigir que as autoridades nos tratem com respeito e dignidade”, afirma o presidente do Sindnapi.

Na última semana, o sindicato decidiu levar para a Justiça a cobrança do calendário. A entidade quer que os governadores de todos os estados do país apresentem datas e esclareçam as dúvidas da população com relação aos critérios para a prioridade de imunização.

O secretário municipal de saúde de São Paulo, Edson Aparecido, afirmou que idosos a partir de de 75 anos na capital receberão a primeira dose somente a partir de 23 de março.
Laísa Dall'Agnol / Folha de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente esta matéria.