PM enforca jovem negro e o arrasta para fora de casa em novo episódio de violência policial

Foto: Reprodução/TV UOL
Mais um caso de violência policial contra a população negra foi registrada no Brasil. Em um vídeo que circula nas redes sociais, um PM de São Paulo aparece enforcando um rapaz pelas costas, dando uma espécie de gravata, e o arrastando para fora de uma casa.
Em tom desesperado, uma mulher que acompanhava a cena começa a gritar que o jovem não consegue respirar e que não há motivo para apertá-lo assim.
Outro homem diz que ele está sendo tirado de dentro da residência, o que não é permitido sem mandado ou flagrante delito no local.
Segundo a Secretaria de Segurança Pública da gestão João Doria (PSDB), o episódio ocorreu na segunda (20), em João Ramalho (505 km da capital). O rapaz estaria trafegando com uma moto sem placa e, ao ser abordado pelos PMs, teria fugido.
Conforme consta no boletim de ocorrência, a fuga provocou uma perseguição, e o jovem teria sido alcançado pela PM em frente ao imóvel que aparece no vídeo.
O documento afirma que ele foi puxado para dentro do imóvel por seus familiares, que também teriam pego a moto. Também diz que o rapaz, então, resistiu à abordagem, e foi “contido posteriormente”.
Referência Entre cerca de uma dezena de casos de violência protagonizados pela PM paulista nos últimos meses e filmados, este se soma a outros três recentes semelhantes ao caso de George Floyd, assassinado por um policial branco nos EUA que ajoelhou em seu pescoço.
Um jovem em Carapicuíba desmaiou duas vezes após ser enforcado por PMs; uma mulher em Parelheiros, rendida e deitada, recebeu pisão no pescoço; e um motoboy gritou “não consigo respirar” quando policiais ajoelharam-se em seu pescoço durante abordagem na avenida Rebouças. As informações são da coluna Painel, da Folha de S.Paulo.
 

Nenhum comentário: