Category Archives: Bahia

Detran-BA oferece versão digital da carteira de habilitação

Detran já esta emitindo versão eletronica da CNH
Foto: Elói Corrêa/GOVBA

O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) já oferece a versão eletrônica da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A novidade está disponível para os motoristas que possuem a versão impressa do documento mais recente, com o código de barras tridimensional (QR Code) na parte traseira. Aqueles que ainda possuem a versão antiga devem procurar o Detran-BA para emitir a segunda via ou fazer a renovação do documento. A taxa do serviço é de R$ 67,10, com isenção para quem já tem o certificado digital.

Detran já esta emitindo versão eletronica da CNH
Foto: Elói Corrêa/GOVBA

O documento digital é aceito em todo território nacional. O diretor de Habilitação do Detran-BA, Mario Galvão, explica que um documento não exclui o outro. Portanto, a carteira impressa continua valendo. “A mudança não é obrigatória, mas gera um conforto maior, pois os smartphones estão cada vez mais presentes na vida das pessoas. Durante as abordagens feitas pelos agentes de trânsito, basta mostrar o documento no celular acompanhado pelo Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo [CRLV]”.

A empresária Elen Oliveira, que já está com a CNH no celular, destaca que “às vezes, quando eu saio apressada de casa ou quando troco de bolsa, minha carteira de motorista fica em casa e eu tenho que voltar para pegar. Como meu celular está sempre comigo, não tem risco de esquecer”. 

Para ter direito à novidade, o motorista precisa se cadastrar no portal do Departamento Nacional de Trânsito (www.denatran.gov.br), que enviará por e-mail um link de ativação do serviço e criação de uma senha. Basta fazer o download do aplicativo da CNH-e no celular, disponível nos sistemas iOs e Android. O acesso à habilitação digital não depende de sinal de internet.

Secom  Governo da Bahia

Comando da 55CIPM forma, em Dário Meira mais uma turma de alunos Proerd.

Fotos: Ascom/55CIPM

Na manhã dessa quarta-feira, dia 11/07, o Comando da 55 CIPM formou mais uma turma do PROERD (Programa Educacional de Resistência as Drogas e a Violência). Dessa vez, a formatura ocorreu no município de Dario Meira.

A formatura contou com 145 alunos formandos das escolas municipais Centro educacional professor Antônio Brito, na sede do município e a escola municipal Inah Azevedo do Distrito de Planalto Íris.

Fonte: Ascom/55CIPM

Espadeiros e polícia entram em confronto em Senhor do Bonfim

Tradição junina em várias cidades do Nordeste brasileiro, a guerra de espadas gerou  confusão entre a Polícia Militar e espadeiros na cidade de Senhor do Bonfim, localizada a 375 quilômetros de Salvador. O Ministério Público Estadual (MP-BA) recomendou a proibição da guerra de espadas, mas houve descumprimentro da medida o que gerou confronto com os espadeiros na noite de sábado (23).

Apesar de proíbida a guerra de espdas continua firmee forte no interior da Bahia

O conflito aconteceu na rua Costa Pinto – ponto da cidade mais tradicional da soltura de espadas há mais de 70 anos.  Antes da confusão, os policiais tentaram impedir que as espadas fossem acendidas na fogueira.

O Corpo de Bombeiros esteve no local para apagar a fogueira que era usada para acender as fogueiras, mas foi impedido pelos espadeiros, que usavam gritos de resistência: ‘polícia é para ladrão, para espadeiro não’. Pouco tempo depois, o grupo começou a lançar as espadas.

A polícia usou spray de pimenta e balas de borracha para tentar dispersar a população, mas não conseguiu. Um homem chegou a passar mal, na confusão. Os policiais deixaram o local e a guerra de espada continuou.

“Por volta das 19h algumas patrulhas foram colocadas próximo ao local onde estava a reunião dos espadeiros, porém espadas foram lançadas contra os policiais que tiveram ferimentos leves. Para impedir as agressões, a PM revidou com o uso de agentes químicos e elastômero. O Corpo de Bombeiros foi acionado para apagar a fogueira que os espadeiros utilizavam para acender os artefatos juninos, e assim que a situação foi controlada, as guarnições deixaram o local”, afirmou a PM, em nota, nesta segunda-feira (25).

A PM informou ainda que o policiamento em Senhor do Bonfim foi intensificado pelo 6º Batalhão de Polícia Militar, após recomendação do Ministério Público para inibir o uso de espadas na cidade. A operação teve o apoio da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE) Caatinga e da Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT) Rondesp Norte.

“Ao chegar à rua Costa Pinto, por volta das 16h de sábado (23), uma guarnição do 6º BPM percebeu que existia uma aglomeração de pessoas à espera do uso de espadas. A PM negociou com a liderança do grupo que concordou em não realizar os festejos com as espadas”, disse a PM, em nota.

Ninguém foi preso.

Via Correio da bahia

Explosões de fogos e bombas deixam 75 pessoas feridas no São João

O HGE atendeu 43 vítimas de queimaduras, 10 a menos que no São João de 2017 (Foto: Arquivo CORREIO)

Em todo o estado, entre sexta-feira (22) e esta segunda (25) foram registrados 75 atendimentos de vítimas de queimaduras por fogos e explosões de bombas. A informação é da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) e foi divulgada hoje. Dos 15 queimados que deram entrada no hospital, seis têm no máximo 15 anos. No total, 35 pessoas deram entrada no HGE no final de semana do São João – metade dos feridos são crianças e jovens com idade entre um e 16 anos. Uma das vítimas do último sábado foi uma criança de 1 ano que se queimou com a explosão de uma bomba na região de Rio Sena. Na noite de domingo, a média foi de um acidente com fogos por hora – a média foi menor que a registrada no último sábado, quando três pessoas foram queimadas por hora.

HGE concentrou maior número de atendimentos
O HGE, que é o centro especializado em queimados do estado, teve o maior número de ocorrências relacionadas aos festejos juninos, com um total de 43 atendimentos neste período em 2018, sendo 11 vítimas de queimaduras por fogos e 32 por explosão de bomba.
O adolescente de 15 anos estava acompanhado do irmão de 19 quando sofreu o acidente. “O dedo do meio dele tá dilacerado. A mãe desmaiou quando viu”, conta o avô. O jovem deve passar por cirurgia ainda nesta segunda (25).
O número de atendimentos foi menor que no ano passado. Em 2017, o HGE realizou 53 atendimentos entre os dias 23 e 25 de junho, sendo 24 de queimaduras por fogos e 29 por explosão de bomba.

No Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus, também referência para o atendimento a queimados, 14 pessoas vítimas de queimaduras foram atendidas. Foram registrados ainda sete atendimentos no Hospital Regional de Juazeiro, quatro no Hospital Estadual da Criança (HEC), em Feira de Santana, três no Hospital Regional da Chapada, em Seabra, dois no Hospital Regional Costa do Cacau, em Ilhéus, um no Hospital Geral de Itaparica e no Dantas Bião, em Alagoinhas.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que vai divulgar o balanço dos acidentes envolvendo bombas e queimaduras ainda nesta segunda-feira (25).

*sob orientação da editora Mariana Rios

Orlando Tapajós morre aos 85 anos

Divulgação ABTI

Morreu neste domingo (17), aos 85 anos, o construtor de trios elétricos Orlando Campos de Souza, conhecido como Orlando Tapajós. Ele estava internado no Hospital Teresa de Lisieux, no bairro do Itaigara, em Salvador, e havia dado entrada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade, na segunda-feira (11), após sofrer um infarto.

A notícia de sua morte foi comunicada pelo presidente da Associação Baiana de Trios Independentes (ABTI), Paulo Leal. “A ABTI e toda comunidade carnavalesca está de luto e lamenta profundamente a perda do grande carnavalesco e ícone da história da Bahia e do Brasil. Estamos auxiliando a família em todos os procedimentos para o sepultamento e, em breve, informaremos o horário e local“, disse.

No Instagram, o neto mais velho de Orlando Tapajos, Neto Tapajós, lamentou a morte do avô. Leia mensagem na íntegra:

“Hoje o meu dia está acabando de forma triste, mas consciente da luta, coragem e persistência deste guerreiro em viver. Jamais esquecerei a última lição que meu avô me ensinou, ainda no leito hospitalar: NUNCA DESISTA DE NADA E NEM DE NINGUÉM.

É de forma alegre que eu, o seu neto mais velho, sempre irei lembrar do senhor. Sendo sinônimo de carnaval, sendo um guerreiro, que falece hoje acreditando na vida, enfim sendo perseverante em tudo. Todas as suas conquistas são as nossas próprias conquistas meu carequinha.

Meu avô Orlando Tapajós, obrigado por tudo. Obrigado por ter me ensinado de forma simples o que é ser um “Tapajós”, pois o “Tapajós” sempre foi e continuará sendo apenas o senhor. Engraçado que sempre me perguntam no meu meio profissional: “Neto, como você consegue isso?”, “Neto, você não desiste por quê?” Etc etc… Pois bem, daí vem o alicerce da força e determinação da Família Tapajós.

A foto postada foi tirada no Carnaval 2018 e agora ele fica imortalizada como um dos últimos momentos de um dos maiores Carnavalescos que este Brasil já teve, agora o saudoso ORLANDO TAPAJÓS! Fisicamente morre a última lenda viva da verdadeira história do Carnaval da Bahia, mas o seu legado está perpetuado, quem conhece a história do Trio Elétrico, sabe a que me refiro. Um homem que nunca largou o Carnaval da Bahia mesmo quando largaram ele.

Vai com Deus meu careca, Vai com Deus meu velho. Te Amo… te amarei sempre!

#LUTO ”
Bahia.Ba

Recém-inaugurada, rodovia que liga Aiquara à Palmerinha já apresenta defeitos

Rodovia foi inaugurada pelo governo da Bahia no dia 18 de abril (Foto: Leitor/Giro Ipiaú)

Inaugurada pelo governo do estado no último dia 18 de abril, a rodovia que liga Aiquara ao distrito de Palmerinha e BR-330, já apresenta sinais da má qualidade dos serviços realizados na recuperação da BA-647. A redação do GIRO recebeu imagens de um morador de Aiquara, as quais revelam deterioramento do piso em alguns trechos da rodovia. “É preocupante, pois demorou tanto para fazer essa obra, e agora, em menos de dois meses, já começa a apresentar defeitos. É lamentável.”, comentou o morador.  De acordo com nota do governo divulgada na inauguração, foram gastos na obra de pavimentação dos 13 quilômetros da BA-647, a quantia de R$ 6,4 milhões. Ainda na região, o governo toca uma obra de recuperação da BA-120, que liga Ibirataia a Gandu, e prometeu ainda nesse semestre autorizar a ordem de serviço na BA-650, que liga o distrito do Japomirim à Itagibá e Dário Meira. A expectativa dos moradores dessas localidades é que os serviços sejam de qualidade superior aos realizados em Aiquara. (Giro Ipiaú)

Salvador e região metropolitana têm o fim de semana mais violento do ano

Vinte e nove mortes foram contabilizadas em Salvador e na região metropolitana entre a 0h de sábado, 9, e as 23h59 de domingo, 10. Este final de semana foi o de maior registro de mortes violentas do ano, como confirmado pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) nesta segunda-feira, 11. No fim de semana anterior, de 2 a 3 de junho, por exemplo, ocorreram 10 mortes. 

Entre os casos atuais (25 na capital baiana, dois em Camaçari, um em Vera Cruz e um em Pojuca), estão o do cabo da PM Gustavo Gonzaga da Silva, 44 anos, morto na madrugada deste sábado por um grupo de criminosos no bairro da Santa Cruz, e de um homem, conhecido pelo apelido de “Budigo”, suspeito de participar da execução do militar. Ele foi morto durante confronto coma polícia no Nordeste de Amaralina. 

Além disso, a polícia registrou dois triplos homicídios. O primeiro, no bairro do IAPI, ocorreu também no sábado, entre as 22h49 e 22h55. As vítimas não tiveram a identidade confirmada no boletim de ocorrência da SSP. Duas deles foram mortas na rua Antônio Baldino, conhecida como Brongo, com registro às 22h49. Seis minutos depois, um homem de 21 anos foi assassinado na 2ª travessa Cosme e Damião.

O segundo caso de triplo homicídio – registrado também na noite do sábado, por volta das 22h30 – foi em São Cristóvão, na rua Direta do Barro Duro, em frente à Madeireira Bragança. Dois dos mortos foram identificados. São eles: Evandro Silva Santos, 23 anos, e Eliomar da Cunha Rosa, 22 anos. A terceira vítima não tem o nome nem a idade relevadas até o momento. 

Homens mortos

Ainda segundo a SSP, todos as ocorrências de mortes violentas deste final de semana envolveram pessoas do sexo masculino. Além disso, 11 vítimas já tinham passagem pela polícia e 10 mortes ocorreram por tráfico de drogas, conforme informações divulgadas hoje. O órgão também informou que alguns casos tiveram como motivo o uso excessivo de bebidas alcoólicas, mas a secretaria não detalhou os casos. 

Entre os óbitos, quatro foram de adolescentes, como o de J. C. S., 16 anos. Ele foi morto na madrugada do domingo na rua São Paulo, após o Alto do Cruzeiro, no bairro de Cosme de Farias, junto com Emerson de Santana Santos, 22 anos. Todos os casos de morte estão sendo investigados pela Polícia Civil e alguns já possuem autoria definida, como informou a SSP.

Lotéricas da Bahia deixam de receber conta de energia

Foto: Divulgação

Além dos pontos próprios da Coelba, contas podem ser pagar em pontos comerciais credenciados como farmácias, mercadinhos e papelarias.

As casas lotéricas de Salvador e do interior do estado não vão mais receber o pagamento das faturas de energia a partir de 1º de junho. Segundo a Coelba, desde novembro de 2017 há tentativas de negociação com a Caixa Econômica Federal (CEF), mas não houve êxito.

A Caixa aumentou 54% no valor da tarifa por fatura arrecadada, e, segundo a Coelba, inviabilizou a manutenção do convênio de arrecadação. Em decorrência desse reajuste, outras empresas de serviços públicos também não renovaram o contrato de arrecadação com as lotéricas.

Atualmente, os clientes da Coelba podem contar com 3.668 pontos físicos para pagamento da fatura de energia em todo o estado, incluindo a rede própria de arrecadação da concessionária com 730 pontos. Até o final do ano, a rede será ampliada para quase mil estabelecimentos credenciados que irão receber o pagamento das faturas de energia.

Além de poder pagar as contas em diversos pontos comerciais como farmácias, mercadinhos e papelarias, os clientes dispõem ainda de toda a rede bancária, correspondentes bancários e bancos postais. A empresa também disponibiliza a possibilidade de quitação das faturas on-line, pelo site, aplicativo Coelba ou por meio de débito automático.

Para consultar os locais credenciados mais próximos para pagamento da conta de energia, em cada cidade, o cliente pode acessar o site da Coelba.

Fonte: Correio

Graer transporta 49 bolsas de sangue para repor estoque de SSA

Foto: Divulgação SSP
Material saiu de Barreiras com destino a Salvador

Com a redução dos estoques de sangue, devido a greve nacional dos caminhoneiros, o Grupamento Aéreo (Graer) da Polícia Militar transportou, na tarde desta quinta-feira (31), 49 bolsas para reposição em Salvador. O material foi transportado em uma aeronave da unidade militar, que estava na Base Avançada (Bavan), de Barreiras, no extremo Oeste da Bahia.

As bolsas foram repassadas pelo Hemocentro Regional de Barreiras e serão usadas em transfusões para pacientes internados em unidades hospitalares, na capital baiana. O sangue foi transportado com urgência, pois corria risco de perda.

“A nossa missão é servir e proteger e esta ocorrência traduz perfeitamente esse propósito. O material será usado para salvar vidas e isso nos deixa orgulhosos”, comentou o comandante do Graer, coronel Renato Lima.

Fonte: Ascom/ Alberto Maraux

Vamos garantir que os serviços públicos não entrem em colapso’, diz Rui sobre greve

Foto: Matheus Morais/ bahia.ba

O governador Rui Costa (PT) voltou a se pronunciar sobre a greve dos caminhoneiros neste sábado (26). Em um vídeo divulgado em sua página do Facebook, o petista afirmou que o Brasil está indignado com o que “eles fizeram com o nosso país”.

“Você deve estar se perguntando: foi para isso que eles tiraram a presidente Dilma do governo? Com a Dilma, a gasolina era R$ 2,60, hoje a gasolina está a R$ 5. Foi para isso que prenderam o ex-presidente Lula? Quando Lula deixou o governo, o botijão de gás de cozinha custava R$ 12. Hoje o botijão de gás custa R$ 80”, ressaltou.

Rui disse ainda que apoia todos que querem se manifestar, mas como governador da Bahia tem que garantir o andamento dos serviços e que eles não entrem em colapso. “Que os hospitais continuem recebendo oxigênio para os pacientes que estão na UTI. Precisamos garantir o funcionamento dos nossos aeroportos, o funcionamento do transporte público”, completou.

“Pedimos a compreensão de quem, legitimamente, se manifesta, mas que precisa compreender que a sociedade não pode entrar em colapso, senão vamos sofrer mais ainda. Como governador vamos garantir que os serviços públicos não entrem em colapso”, finalizou.

Por-Bahia.Ba