Gleisi nega que vice do PT esteja definido e minimiza atrito com Ciro

Foto: Geraldo Magela/ Agência Senado

Apesar das críticas feitas nos últimos dias ao PT, o presidenciável Ciro Gomes (PDT) ainda é visto com bons olhos pelo Partido dos Trabalhadores para formar uma eventual composição na disputa pelo Planalto.

“Temos o PDT como um partido aliado. Ciro Gomes seria um bom vice para o presidente Lula”, declarou a senadora Gleisi Hoffmann, presidente do PT, após reunião com o líder partidário, em Curitiba.

Ciro criticou o PT nesta sexta-feira (3), ao questionar se o Brasil “aguenta mais um poste” na Presidência da República, ao se referir à ex-presidente Dilma Rousseff.

A declaração do pedetista foi um ataque à estratégia do PT em lançar a candidatura do ex-presidente e substitui-lo na fase final da campanha, quando seu registro for indeferido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Nesta quinta (2), o presidenciável já havia acusado os petistas de praticarem “um golpe”, ao comentar ao pacto nacional firmado com o PSB para inviabilizar a sua candidatura.

Questionada sobre a possibilidade de Manuela D´Ávila ser vice na chapa do PT, Gleisi disse que os petistas têm “simpatia” pela comunista e querem estar aliados ao PCdoB no pleito. “O presidente está aberto a todas as discussões”, declarou a senadora.

A presidente do PT negou, porém, que o vice da chapa já esteja decidido. “Não temos essa definição ainda”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *