Eleitor que apostar em renovação pode se frustrar, afirma Diap

Segundo o presidente da entidade, inúmeros nomes tradicionais da política nacional têm sido substituídos por “parentes, celebridades, evangélicos ou policiais linha-dura”

foto externa Palácio do Congresso Nacional foto Rodolfo Stuckert 08.06.09

Uma pesquisa do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) apontou que 10% dos deputados federais não disputará a reeleição em 2018, mas isso estaria longe de representar uma renovação na política.

De acordo com a coluna do Estadão, em meio à crise de imagem dos parlamentares, também no Senado, o levantamento comprovou que inúmeros nomes tradicionais da política nacional têm sido substituídos por “parentes, celebridades, evangélicos ou policiais linha-dura”, conforme explicou a publicação o presidente do Diap, Antonio Augusto de Queiroz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *