Nome de mulher negra ganha força para vice de José Ronaldo

Na foto: José Ronaldo, prefeito de Feira de Santana
Foto: Alberto Coutinho/GOVBA

Com a negativa da ex-ministra Eliana Calmon para ser vice na chapa majoritária, encabeçada pelo ex-prefeito de Feira de Santana José Ronaldo (DEM), a ideia de ter uma mulher negra ao lado do democrata vem ganhando a cada dia mais adeptos entre os oposicionistas.

Um deputado ouvido pelo bahia.ba voltou a dizer que esse pode ser um diferencial em relação à chapa do governador Rui Costa (PT), que excluiu a senadora Lídice da Mata da disputa pelo Senado em detrimento do nome de Angelo Coronel (PSD), e agora só tem homens em sua composição.

No cortejo do 2 de Julho, o presidente da Câmara de Vereadores de Salvador, Leo Prates (DEM), também defendeu a ideia em conversa com o bahia.ba. Com o discurso de ‘não devemos replicar modelos de uma política tradicional e ultrapassada’, o democrata deixou nas entrelinhas sua preferência pela colega de Casa Ireuda Silva (PRB).

Em recente entrevista ao bahia.ba, o prefeito de Salvador, ACM Neto, já havia sinalizado que simpatiza com a possibilidade de ter uma mulher na composição da chapa. Também ao bahia.ba, Ireuda Silva (PRB), ressaltou que está no páreo pela vaga e que se considera “um projeto de credibilidade”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *