Monthly Archives: fevereiro 2018

A desembargadora Lígia Maria Ramos Cunha Lima recebeu a Comenda 2 de julho, através de proposição de autoria do Deputado Sandro Régis (Dem)

Desembargadora Lígia Maria é homenageada com a Comenda 2 de Julho

A desembargadora Lígia Maria Ramos Cunha Lima recebeu a Comenda 2 de julho, através de proposição de autoria do deputado estadual Sandro Régis (DEM), na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). Além de familiares, também estiveram presentes na cerimônia juízes, desembargadores, advogados, autoridades políticas e amigos da homenageada. Confira o vídeo! #SandroRégis #CoerênciaETrabalho

Publicado por Sandro Régis em Quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

A desembargadora Lígia Maria Ramos Cunha Lima recebeu a Comenda 2 de julho, através de proposição de autoria do deputado estadual Sandro Régis (DEM), na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). Além de familiares, também estiveram presentes na cerimônia juízes, desembargadores, advogados, autoridades políticas e amigos da homenageada. Confira o vídeo! #SandroRégis #CoerênciaETrabalho

A Prefeitura Municipal de Ipiaú apoia na qualificação de agricultores familiares em curso de panificação

Foto: Ascom/PMI

Na manhã desta quarta-feira, (28) iniciou as atividades do curso de panificação gratuito realizado pela empresa Pró Padeiro, com parceria institucional da Prefeitura Municipal de Ipiaú, através da Secretaria de Agricultura e a Cantina Central do município.

anigif/ipiauurgente

O evento conta com a participação da Coordenadora da Cantina, Josélia Andrade Vieira, o Diretor de Meio Ambiente, Poleandro Silva Santos e o Vereador Claudio Nascimento. Entre os participantes do curso estão presentes em sua maioria agricultores familiares das regiões do Bom Sem Farinha, Córrego de Pedras, Fazenda do Povo e Braço Pequeno.

Essa iniciativa faz parte da qualificação dos produtores do programa do PNAE municipal, na qual, através da chamada pública da merenda escolar que aconteceu no dia 19 de fevereiro, diversos agricultores foram habilitados a vender seus produtos para a Secretaria de Educação de Ipiaú. É dessa forma, com o governo participativo que o município de Ipiaú, colabora com a crescimento da agricultura e o fortalecimento da zona rural, além de oferecer uma merenda escolar de qualidade para todos os alunos do município de Ipiaú.

Ascom: PMI

Jungmann anuncia concurso para mil vagas na PF e PRF ainda este ano

© Alexandre Rocha /Agência CNJ

Em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (28), o novo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou que a tarefa é conseguir a “universalização dos serviços de segurança”, o que só aconteceu, no Brasil, com a saúde e a educação.

Em busca disso, anunciou que, nesta quinta-feira (1º), o presidente Michel Temer vai receber os governadores e deve anunciar recursos para a área. Ele também afirmou que a participação da sociedade é fundamental.

Além do encontro com os governadores, Jungmann adiantou que, na próxima semana, todos os prefeitos das capitais serão convidados para discutir segurança. “A Constituição de 1988 não legou aos municípios responsabilidade pela segurança pública, mas isso é injustificável”, disse ele, citando ainda a importância das guardas municipais.

Ele também contou que vai convocar todas as organizações e entidades, começando na próxima semana, pela CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil). “O mesmo vale para o meio empresarial”, destacou.

Segundo o ministro, o ex-ministro Armínio Fraga irá colaborar com seu esforço de aproximar os empresários da questão da segurança.

Jungmann também prometeu um encontro de todos os ministros da Segurança da América do Sul e falou sobre a importância do combate ao crime ser transnacional. “Se o crime se globaliza, não é mais possível enfrentá-lo apenas no espaço nacional”, pontuou.

Já sobre a situação carcerária, o ministro citou reunião com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), a convite da ministra Cármen Lúcia, onde teria se informado sobre a questão. Além disso, anunciou estudos para a criação de uma força nacional de segurança permanente.

Salientou que o governo tem por princípio e vai aplicar uma política que pretende muita parceria entre os estados, mas os recursos terão que ter contrapartidas. Jungmann disse que essa parceria implicará em um comprometimento dos estado com o objetivo de, dentro de dois anos, os policiais que não estão nas ruas – estão em outras unidades, atividades administrativas – sejam apenas 1% a 2%. “Nós queremos policiais nas ruas.”

O ministro também prometeu duplicar, este ano, o contingente da Polícia Federal (PF) em postos de fronteira. “Serão 300 agentes”, disse. Segundo ele, também será reforçada a área de combate aos crimes de corrupção com 29 novos delegados.

Sobre a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Jungmann diz que será implantado o “plantão voluntário”. O governo irá comprar parte da folga dos policiais, permitindo que haja 2 mil policiais a mais patrulhando as rodovias.

Também antecipou que, em reunião, hoje, com o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, ficou decidido que será realizado concurso público para o preenchimento de 500 vagas na PF e de outras 500 na PRF, ainda este ano.

Questionado sobre o andamento da Operação Lava Jato, ele afirmou que a força-tarefa “continua sendo uma prioridade”. “Principalmente pelo que ela trouxe e vem trazendo em termos de resultado”.

Jungmann salientou também que as ações anunciadas são iniciais, voltadas para gargalos emergenciais.
(Por- Noticias ao minuto)

Homem é assassinado dentro de casa em Barra do Rocha

Morte da vítima chocou a comunidade de Barra do Rocha (Fotos: Giro Ipiaú)

A tranquilidade da pequena Barra do Rocha foi quebrada na noite dessa terça-feira (27), com o registro de um homicídio por volta das 20h40. Arlécio Santos de Oliveira, de 55 anos, conhecido como “Lelé”, foi surpreendido pelo assassino dentro de sua residência, na Rua Santos Dumont, no centro da cidade. Populares relataram à polícia que ouviram o som de um único disparo de arma de fogo. Ainda conforme os relatos, o criminoso chegou ao local a pé. Arlécio morreu na sala da casa onde morava sozinho. O crime surpreendeu moradores que foram unânimes em afirmar que a vítima era considerada tranquila e não tinha envolvimento com o mundo do crime. O caso será investigado pela Polícia Civil do município. (Giro Ipiaú)

Casa Fernandes; Tudo em um só lugar

Ipiaú: Bandidos arrombam loja Ricardo Eletro e levam Tv´s e Smartphones

Loja Ricardo Eletro foi alvo dos bandidos na madrugada dessa quarta (Foto: Giro Ipiaú)

A loja Ricardo Eletro (antiga Insinuante), localizada na Praça Rui Barbosa, centro de Ipiaú, foi arrombada na madrugada dessa quarta-feira (28). Segundo gerente informou ao GIRO, a ação dos bandidos foi registrada por volta das 3h50. Os criminosos arrombaram uma das portas da frente da loja e com a ajuda de um veículo, ainda não identificado, furtaram sete aparelhos de tv´s (de 32″ e 40″), além de Smartphones. Na fuga, os bandidos ainda deixaram outros aparelhos eletrônicos na porta da loja. Ação semelhante foi registrada na cidade de Cruz das Almas nessa semana. Recentemente, a loja da Rede Ricardo Eletro em Gandu também foi alvo dos bandidos. Em janeiro, a unidade de Itabuna também foi arrombada. A polícia informou que vai procurar imagens da ação em Ipiaú através de circuitos de câmeras instalados ao redor da loja, a fim de identificar os arrombadores. O caso será investigado pela Polícia Civil. A Ricardo Eletro é a loja de eletro eletrônicos que mais sofre com esse tipo de crime na cidade de Ipiaú. Em julho do ano passado, o estabelecimento comercial foi arrombado pela lateral, mas, felizmente, o arrombador não conseguiu levar nada. (Giro Ipiaú)

Tripulação de avião militar dos EUA fica ‘cega’ e congela em voo

© Reuters
Falha no sistema de controle de temperatura deixou a cabine sem visibilidade e com 30 graus abaixo de zero no interior

A tripulação de uma aeronave norte-americana Boeing EA-18G Growler sofreu ferimentos graves devido ao congelamento do aparelho durante o voo após uma falha registrada no sistema de controle de temperatura da cabine, informa o portal Defense News.

O incidente, recém-relatado, ocorreu em 29 de janeiro, quando o avião estava a uma altitude de 7.600 metros e a cerca de 100 quilômetros a sul da cidade de Seattle, EUA. A aeronave fazia um voo da Estação Aérea Naval Whidbey Island (Washington) até à Estação Naval de Armamento Aéreo de China Lake (Califórnia).

Durante o voo, a temperatura no interior da cabine caiu de repente para 30 graus negativos e, no interior, formou-se uma névoa. As telas dos dispositivos e as janelas ficaram cobertos com uma camada de gelo, deixando a tripulação quase completamente “cega”, de acordo com várias fontes que conhecem os detalhes do incidente.

Estas condições obrigaram o piloto e o engenheiro que o acompanhava a usar um relógio Garmin para determinar o rumo, enquanto os controladores aéreos transmitiam instruções à tripulação.

Finalmente, os militares conseguiram guiar o avião de volta para Whidbey Island, apesar de haver esgotado as reservas de oxigênio de emergência no final do voo. Os tripulantes sofreram ferimentos graves e queimaduras nas mãos devido ao frio. A Marinha está tentando determinar a causa do incidente. Com informações do Sputnik.

Troca na PF mostra que Temer aposta na segurança para reafirmar governo

© Marcos Corrêa/PR   Criação de novo Ministério ajuda governo a barrar novas crises envolvendo o ex-diretor-geral da PG, Fernando Segovia

Raul Jugmann assumiu o Ministério da Segurança Pública e já protagonizou mudanças. O ministro anunciou a demissão do diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, e a entrada de Rogério Galloro. Segundo destaca a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, a troca no comando da PF é nova demonstração de que o presidente Michel Temer vai apostar todas as suas fichas na segurança como força motriz do governo.

Temer deu ‘carta branca’ para Jugmann fazer as alterações que julgar necessárias nos cargos vinculados ao novo Ministério. Ao autorizar a nova nomeação na PF, o presidente “matou três coelhos com uma só cajadada”, refere a coluna: livrou-se de um diretor-geral que causou crises ao Planalto; sinalizou que a pasta recém-criada não é um ministério de faz de conta e fez um gesto para pacificar a corporação.

O novo diretor-geral da PF, Rogério Galloro, foi escolhido na tentativa de o governo demonstrar à corporação de que não haverá interferência no órgão, e de que, sob Jungmann, ele ficará blindado.

Por-Noticias ao minuto

Ofertas do Varejão Supermercados, Loja 01 e Loja 02

Raquel Dodge pede inclusão de Temer em investigação no STF sobre Odebrecht

Raquel Dodge diz que investigação deve incluir o presidente da República porque o decorrer do tempo pode inviabilizar a investigação.Wilson Dias/Agência Brasil

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu hoje (27) ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, a inclusão do presidente Michel Temer no rol de investigados no inquérito que apura o suposto favorecimento da empreiteira Odebrecht pela antiga gestão da Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República. Entre 2013 e 2015, durante o governo da ex-presidenta Dilma Rousseff, o órgão foi dirigido pelos atuais ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco. Ambos já são investigados no caso.

Na manifestação, Raquel Dodge divergiu do entendimento do ex-procurador Rodrigo Janot, que, no ano passado, decidiu não incluir Temer na investigação, por entender que o presidente tem imunidade constitucional enquanto estiver no cargo. Segundo a procuradora, a Constituição impede somente o oferecimento da uma eventual denúncia contra os investigados.

De acordo com depoimento de delação premiada do ex-executivo da Odebrecht Claudio Melo Filho, houve um jantar no Palácio do Jaburu, em maio de 2014, para tratativas de um repasse de R$ 10 milhões como forma de ajuda de campanha para o PMDB.

“A investigação penal, todavia, embora traga consigo elevada carga estigmatizante, é meio de coleta de provas que podem desaparecer, de vestígios que podem se extinguir com a ação do tempo, de ouvir testemunhas que podem falecer, de modo que a investigação destina-se a fazer a devida reconstrução dos fatos e a colecionar provas. A ausência da investigação pode dar ensejo a que as provas pereçam”, argumenta a procuradora-geral da República.

Marun

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, questionou a possibilidade de continuidade de uma investigação contra Temer sobre fatos anteriores ao mandato de presidente da República. “Pelo que eu sei, neste momento, o presidente só pode ser efetivamente atingido por qualquer coisa acontecida no exercício do seu mandato”.

O ministro também defendeu a inocência de Temer, a quem classificou como um “homem honrado”. “Se querem investigar, investiguem. Mais uma vez chegarão à conclusão de que nada efetivamente atinge a pessoa do presidente, que é um homem honrado, com um patrimônio conforme a renda auferida em décadas de trabalho”, disse Marun, em entrevista coletiva no início da noite de hoje, no Palácio do Planalto.

Matéria atualizada às 19h49 para incluir avaliação do ministro Carlos Marun sobre o pedido da PGR.
*Colaborou o repórter Marcelo Brandão, da Agência Brasil.